Saturday, January 14, 2006

What's going on?

De facto, o fim de ano foi pesado... reflectimos amplamente sobre a direcção que "isto" deveria tomar... fizemos uns textos, mas pareciam-nos redundantes... saímos à noite, mas a frustração que nos atacava havia já sido descrita em intervenções prévias - e pouco ou nenhum sentido fazia repetir a dose.

Os Frattys foram um sucesso inegável, e até o pessoal da Danceclub nos diz repetidamente que nos adora (boy, do you guys have it coming to you...) ... o nosso blog vale dois milhões de dólares e suspeitamos que detectives privados colocam escutas nos telefones de inúmeros jornalistas e deejays, à procura dos sempre evasivos discípulos de Caím. Sim, a palavra "lenda" já nos fez rir imensas vezes, e estamos abismados com o facto de como algumas pessoas utilizam ainda o blog para publicitarem "agências" (o conceito em si dá-nos vómitos ... um aglomerado frequentemente amorfo e indigesto de gajos que acham que tocar discos os faz Deuses), lojas, sets e eventualmente um ou outro carro em segunda mão com um número de telefone seguido de "trata" que decidimos não colocar nos comentários. Até o Paulo Nupi nos deu o número de telefone dele (o Super Mário adorou), mas como não nos pareceu que fosse a sério, não respondemos. E se não era ele, ele que se ponha a pau (com amigos desses...).

Uns mandam-nos à merda, outros dão-nos o Fratty Grandes Filhos da Puta (ó doce serendipidade: quão gloriosa, a tua investida na cabeça do génio que nos decidiu dar tão ousado e rebuscado prémio). Outros de vós disparam suspeitas sobre quem seremos, quais os nossos aliados, com quem teremos pastilhado na juventude, ou quem nos informa sobre o que sai de mal-abortado na nossa noite(zinha)... agora que os comentários aos Frattys abrandaram, o enredo adensa-se e a dúvida surge: e agora?

Pois, caríssimos e mal-amados leitores... a alguns de vós reservamos afecto, a outros dedicamos os nossos lamentos por serem como são, mas parece que qualquer post novo deverá ser uma orgia com todos vós, aberto mesmo ao mais medonho dos participantes e em que todos têm ocasião de foder e ser fodido.

O problema é escrever ESSE POST. O post-coroação ou post-cereja-no-topo-do-bolo... que cubra áreas nunca dantes visitadas por nós, e que vos permita a interacção que anseiam. O problema é que os comments só são visíveis quando o post é óbvio e a piada não carece de grande dissimulação nem subtileza, e não nos sentimos particularmente tentados a gozar com os infelizes mais uma vez.

Uma coisa é certa... o golpe final será sem dúvida a maior "fratricidada" possível, pelo menos, tanto quanto nos for possível conceber.

Grato pela paciência

Scar, o omni-pestilento.